21 jul 2021

Pododermatite em frangos de corte: uso de probiótico correto pode reduzir a frequência e a intensidade de lesões

CHR HANSEN Pododermatite
get_the_title



AUTOR(ES)

Rogério Frozza

Gerente Tecnico de Monogastricos Chr Hansen

Estudo recente realizado pela Unesp Botucatu demonstrou que frangos de corte suplementados com probiótico gallipro MS tiveram menores níveis de pododermatite devido a menor quantidade de amônia na cama.

As exportações brasileiras de carne de frango fecharam o ano de 2020 com cerca de 4,2 milhões de toneladas (ABPA, 2021). Nesta lista de “especiarias” enviadas para o exterior também estão relacionados pés de frango, iguarias gastronômicas bastante populares em alguns países, principalmente da Ásia.

pododermatiteA pododermatite, ou calo de pata, é a principal causa de condenação de pés e, obviamente, um fator limitante para a exportação deste produto. Dependendo do grau da lesão, ocorre a desvalorização, ou até mesmo o descarte total do produto. Logo, a necessidade de se identificar e prevenir as causas da lesão.

 

pododermatite

De modo geral as pododermatites podem cursar com inflamação cutânea do coxim plantar, e afetar os coxins digitais das aves (COOPER; HARRISON, 1999; SAIF, 2005).

Em casos severos podem surgir:

pododermatiteúlceras profundas,

pododermatite abscessos e

pododermatiteespessamento dos tecidos e estruturas subjacentes (SHEPHERD; FAIRCHILD, 2010).

 

pododermatite

Aves com lesões graves também podem apresentar ganho de peso reduzido, em consequência da redução do consumo de ração induzida pela dor (SHEPHERD; FAIRCHILD, 2010).

Estudos apontam que os índices de pododermatite oscilam entre 15% a 81% em frango de corte (LIMA et al., 2013).

No entanto, é importante ressaltar que as causas são multifatoriais e variam de acordo com:

as condições gerais de manejo,

linhagem,

qualidade,

níveis de umidade da cama aviária,

estresse e imunossupressão nas aves,

traumas e,

deficiência de nutricional.
(HARNS et al., 1977; GREENE et al., 1985; MARTRENCHAR et al., 1997; NUNES et al, 2013).

 

pododermatite

pododermatiteA amônia (NH3) também exerce grande influência sobre os índices de pododermatite. O NH3 é resultante da decomposição bacteriana de compostos nitrogenados como proteína e ácido úrico e, em condições favoráveis de temperatura, umidade e pH, tornam- se voláteis (LAVERGNE et al., 2006).

pododermatiteNíveis de NH3 de até 10 ppm podem prejudicar o desempenho e a imunidade das aves, tornando-as mais susceptíveis a infecções respiratórias (KESTIN; SORENSEN, 1999; BILGILI et al., 2009).

 

pododermatiteEntretanto, os níveis de NH3 acima de 10 ppm liberados da cama para o interior do aviário causam irritação grave do trato respiratório e da pele das aves, resultando em pododermatite, queimaduras do jarrete, e lesões no peito (MARTRENCHAR et al., 2002)

pododermatite

De acordo com Catalan et al . (2014) outra causa importante para o surgimento do problema é a densidade de aves alojadas, ou seja, quanto maior o número de pododermatiteaves por metro quadrado maior é o percentual de calo de pata.

Isto ocorre em razão do aumento da excreção de urina e fezes e maior pressão sobre a cama, o que pode torná-la compacta e úmida (MENZIES et al., 1997; DAWKINS et al., 2004; DOZIER et al, 2005).

Uso de probiótico GalliPro®MS tem efeito positivo na redução dos índices de calo de pata em frangos de corte

lesões de pododermatite

Em estudo recente a Chr. Hansen em parceria com o Departamento de Produção Animal e Medicina Veterinária Preventiva da FMVZ/UNESP, sob a coordenação da Professora Ibiara Correia de Lima Almeida Paz, observou-se que frangos de corte suplementados com GalliPro®MS apresentaram:

menor frequência (8,64%) de pododermatide grave (escore 2), quando comparado aos demais grupos.

36,51% das aves suplementadas com o GalliPro®MS não apresentaram nenhuma lesão de pododermatite, ou seja, uma diferença de 15,27% , quando comparado com o grupo que recebeu o probiótico B, acordo com a tabela 1.

 

lesões de pododermatite

Dentre os fatores de ocorrência do calo de pata acima descritos, está a amônia que também favorecendo o surgimento de pododermatites, além de causar irritação no trato respiratório e da pele, (BROOM & REEFMANN, 2005; MARTRENCHAR et al., 2002).

No mesmo estudo os teores de amônio (NH4+) e N (nitrogênio) também foram mensurados de acordo com o gráfico a 1 e 2.

pododermatite

O grupo tratado com GalliPro® MS apresentou menores níveis de amônio (NH4+) e nitrogênio (N)

 

De acordo com Kaoud (2013) o ácido úrico e o nitrogênio nas excretas das aves são convertidos em amônio pelos microrganismos da cama. O amônio, em condições de umidade e temperatura será convertido em amônia (NH3).

pododermatite

O GalliPro® MS é uma associação probiótica de duas cepas que atuam de forma sinérgica no trato gastrintestinal da ave:

Bacillus subtilis e

Bacillus licheniformes.

pododermatite

Dentre as características do produto e a relação de benéficos, vale destacar:

a capacidade de geminar, multiplicar e colonizar o trato de forma transitória, vide figura 1 e 2 e produção enzimática.

As enzimas produzidas irão melhorar a digestibilidade de fibras e proteínas, consequentemente haverá redução dos níveis de nitrogênio na cama, que por sua vez resultarão em níveis mais baixos de NH4+ e NH3, justificando os resultados do experimento.

pododermatite

REFERÊNCIAS

ALGERS, B.; BERG, C. Monitoring animal welfare on commercial broiler farms in Sweden. Acta Agriculturae Scandinavica, Section Animal Science, v.30, p.88–92, 2001.

BERG, C. Footpad dermatitis in broilers and turkeys – prevalence, risk factors and prevention. 1998. 36f. PhD thesis – Swedish Univeristy of Agricultural Sciences, Uppasala, Sweden. Acta Universitatis Agriculturae Sueciae, Veterinaria, Sueciae. BILGILI, S.F.; HESS, J.B.; BLAKE, J.P.; MACKLIN, K.S.; SAEMAHAYAK, B. SIBLEY, J.L. Influence of bedding material on footpad dermatitis in broiler chickens. Journal of Applied Poultry Research, v.18, p.583-589, 2009

BRANTON, S.L.; MORGAN, G.W.; MILES, D.M.; ROUSH, W.B.; LOTT, B.D.; VIZZIER-THAXTON, Y. Stocking density effects on growth performance and processing yields of heavy broilers. Poultry Science, v.84, p.1332-1338, 2005

BROOM, D.M.; REEFMANN, N. Chicken welfare as indicated by lesions on carcass in supermarkets. British Poultry Science, v.46, p.407-414, 2005. CARTMAN, S. T., LA RAGIONE, R. M., WOODWARD, M. J. Bacillus subtilis

spores germinate in the chicken gastrointestinal tract. Appl. Environ. Microbiol. 74:5254–5258, 2008.

CATALAN, A. A. S.; GOPINGER, E.; PERONDI, D. ROLL, V. F. B.; AVILA, V. S. Lesão por pododermatite em frangos de corte alojados em diferentes densidades. Disponível em: https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/ bitstream/item/122725/1/final7496.pdf

COOPER, J.E.; HARRISON, G.J. Dermatology. In: RITCHIE, B.W.; HARRISON, G.J.;HARRISON, L.R. Avian Medicine: Principles and application. Florida: Wingers Publishing, 1994. Cap. 24, p.607-632, 1999.

DAWKINS, M.S.; DONNELLY, C.A.; JONES, T.A. Chicken welfare is influenced more by housing conditions than by stocking density. Nature, v.427, p.342-344, 2004. DOZIER, W.A.; THAXTON, J.P.; GREENE, J.A.; McCRACKEN, R.M.; EVANS, R.T. Contact dermatitis of broilers – clinical and pathological findings. Avian Pathology, v.14, p.23-38, 1985.

HARNS, R.H.; DAMRON, B.L.; SIMPSOM, C.F. Effect of wet litter and supplemental biotin and/or whey on the production of foot pad dermatitis in broilers. Poultry Science, v.56, p.291-296, 1977

HASLAM, S. M., BROWN, S.N.; WILKINS, L.J.; KESTIN, S.C.; WARRISS, P.D.; NICOL, C.J.Preliminary study to examine the utility of using foot burn or hick burn to assess aspects of housing conditions for broiler chicken. British Poultry Science, v.47, p.13–18, 2006.

KAOUD, H. A.; Removal of ammonia gas emission from broiler litter. Global J Sci Res 1:42–47, 2013.

KESTIN, S.C.; SORENSON, P. Different commercial broiler crosses have different susceptibilities to leg weakness. Poultry Science, v.78, p.1085-1090, 1999

LIMA, C.V.; GONÇALVES, P.F.; FERNANDES. L.; EMILIO.P. Correlação das Características Físicas da Cama de Frango com a Incidência de Calo-de-pé/ Pododermatite no Abatedouro. 40º Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária, 2013.

MARTRENCHAR, A.; MORISSE, J.P.; HUONNIC, D.; COTTE, J.P. Influence of stocking density on some behavioural, physiological and productivity traits of broilers. Veterinary Research, v.28, n.5, p.473-480, 1997.

NUNES, J.K. et al. Pododermatite em frangos de corte. PUBVET, Londrina, V. 7, N. 11, Ed. 234, Art. 1545, Junho, 2013.

SHEPHERD, E. M.; FAIRCHILD, B. D. Footpad dermatitis in poultry. Poultry Science, v.89, n.10, p.2043-2051, 2010.



NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Julho 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies