AUTOR(ES)

Cristiano Pereira

Diamond V

Quando observamos padrões de qualidade de pintos, buscamos a uniformidade como um dos principais indicadores de boas práticas, pois essa uniformidade e qualidade refletem diretamente nos resultados de desempenho inicial de frangos de corte.

O principal objetivo de uma operação de matrizes de corte é a produção de pintos de corte de qualidade, no volume necessário para atender o fomento agropecuário.

uniformidade das reprodutorasEntendemos como produção de pintos de corte, o atendimento de, no mínimo, o número de pintos por matrizes contemplado nos padrões Cobb 500. Da mesma forma, quando observamos padrões de qualidade de pintos, buscamos a uniformidade como um dos principais indicadores de boas práticas, pois essa uniformidade e qualidade refletem diretamente nos resultados de desempenho inicial de frangos de corte, peso 7 dias e como consequência desempenho superior.

Bons resultados de uniformidade em produção são consequência de trabalho técnico sendo muito bem feito em recria. E, para isso, não basta apenas conhecimento e habilidades técnicas, a capacidade de mapear atividades críticas a serem realizadas, planejar, organizar e acompanhar essas atividades são vitais. Sem isso a execução estará comprometida.

uniformidade das reprodutorasA capacidade de gerar os indicadores corretos para medir o resultado das tarefas executadas e gerenciá-los é essencial para correção dos desvios que sempre ocorrem.

Entre inúmeros indicadores, a gestão da curva de peso padrão durante a recria é uma das tarefas mais críticas durante essa fase. Seguir com os ganhos de pesos esperados a cada semana é fundamental.
uniformidade das reprodutoras

uniformidade das reprodutorasPara isso precisamos ter boa qualidade de formulação e ingredientes, atingindo previsibilidade nos estímulos realizados com o GAD padrão (gramas ave dia), qualidade de equipamentos de pesagens e a distribuição de ração, que também é outro aspecto crucial para bom controle de peso, assim como a escolha do melhor programa de restrição alimentar.

Uniformidade das Reprodutoras

Caso esse seja um fator limitante, considerar a utilização de caçambas complementares para melhorar a distribuição de ração em aviários longos.

No caso de comedouros prato, sistemas de pesagens que possibilitem o conhecimento e gerenciamento do volume de ração distribuído por circuito é fundamental para o controle de peso e uniformidade.

Tão importante quanto a distribuição da ração, também são os:

  • Controles das densidades de aves
  • Espaço de comedouro e bebedouro semanalmente
  • Intensidade luminosa uniforme e adequada
Uniformidade das ReprodutorasCom o sucesso no controle de peso durante a recria teremos, consequentemente, a conformação de peito esperada para cada fase, assim como uma adequada reserva de gordura pélvica e na asa, atingindo os objetivos de formação de  uma reprodutora pronta para receber o primeiro estímulo de luz.

O controle de peso das aves dentro do padrão Cobb é fundamental e, para tanto, torna-se necessário um bom sistema de pesagem.

Uniformidade das Reprodutoras Pesadas

 

Respeitando esse percentual em todas as categorias e nunca menos de 30 aves nem que 2 pontos de pesagem por box, pesando todas as aves fechadas.

 

  • uniformidade das reprodutorasDeve-se fazer pontos fixos e pré-determinados em todo o aviário.
  • Durante o crescimento, devemos pesar fêmeas e machos separadamente.
  • A pesagem deve ser feita na idade de fechamento da semana, aniversário do lote (data de chegada na granja) e caso haja diferentes datas de alojamento, definir uma idade única, aproximando para pesagem das aves.
  • Lembrar de fazer a correção de peso de acordo com a idade é um ponto importante para evitar erros nesse quesito.
  • É importante ressaltar que, na primeira e segunda semana (no mínimo), a pesagem deve ser feita na idade correta.
  • O início das pesagens deve ser pela manhã, mantendo sequência de aviários durante todo o ciclo.

Levar em consideração os pesos com e sem ração no papo, conforme padrão de peso Cobb. As balanças devem ser constantemente aferidas, pois interferem diretamente na qualidade das seleções.

Desde o primeiro dia separamos as aves leves, fornecendo para essa categoria melhor aquecimento, maior consumo de água e ração.

Uniformidade das ReprodutorasA separação de aves leves é um trabalho de rotina desde o recebimento, até a primeira seleção 7 dias.

Contudo, a separação de aves menores deve ser feita através de apanha desde os primeiros dias. Não aguardar a seleção 7 dias para ser essa primeira separação. Fazer isso desde os primeiros dias. As aves leves apanhadas devem receber ração à vontade, até atingirem o peso padrão.

A realização de seleções 100% deve seguir o programa abaixo:

uniformidade das reprodutoras

A partir de 18 semanas podemos realizar seleção por fleshing, onde se separam as mesmas por escore de peito. As aves com peito mais fraco em relação às demais, poderão receber suplementação de ração para ajustar a conformação.

As aves ainda poderão ser transferidas por categoria de peito, montando lotes com mesmas características. A seleção das 18 semanas, se o pessoal da granja não for bem treinado para separar as aves por fleshing, também pode ser realizada por balança.

uniformidade das reprodutoras

 

uniformidade das reprodutoras
uniformidade das reprodutorasO objetivo dessas seleções é proporcionar uma competição mais justa na disputa pelo alimento e, também, fornecer um volume adicional de ração para as aves menores, controlando os ajustes para as pesadas, evitando o sobrepeso.

Na definição dos pontos de cortes, considerar que quanto maior a amplitude definida para a categoria de médias (exemplo + 10% e -10%), poderemos ter maior desuniformidade dentro dessa categoria, quando poder-se-ia ter uma amplitude menor (exemplo + 7% e – 7%). Com isso, tem-se maior número de aves nas categorias de pesadas e leves, trabalhando o controle de estímulos, com incrementos e restrição, ajustando o ganho de peso e conformação dessas aves mais rapidamente e evitando refugagem, ou sobrepeso dessas dentro da categoria de médias.

O mesmo raciocínio vale para categorias de super-leves. Esse trabalho possui crucial importância na fase compreendida entre 8 e 12 semanas, quando desejamos ter um controle muito acentuado do ganho de peso e massa muscular de peito das aves, ou seja, quando desejamos “adormecer o frango”. Não à toa temos duas seleções 100% nos limites dessa fase, 8 e 12 semanas.

Outro critério importante que pode ser aplicado é utilizar, a partir da seleção da quarta semana, o peso padrão como referência para os cortes, fornecendo as informações necessárias para conduzir o lote para o peso padrão. Em lotes com boas uniformidades iniciais, tem-se maior facilidade para trabalhar com esse critério. Contudo, em lotes desuniformes pode-se ter grande parte das aves concentradas em poucas categorias.
uniformidade das reprodutoras
uniformidade das reprodutoras

A partir de 18 semanas, o ideal é realizar uma seleção por fleshing, separando assim as aves por escore de peito. Essa separação irá facilitar o manejo de administração de estímulos de GAD no fnal da Recria, afm de buscar o correto escore de peito e reserva de gordura pélvica na transferência.

Obter a conformação correta das aves é fundamental para obter uma boa manutenção da produção pós-pico. Lotes com conformação inadequada possuem a tendência de ter baixa manutenção do pico de produção.

uniformidade das reprodutorasNessa seleção por peito,  não devemos misturar as categorias das aves. Sendo assim, deve-se, dentro da mesma categoria, separar aves com escore de peito adequado e inadequado.

Dessa maneira, teremos aves da categoria levecom peitos adequados e inadequados, categoria médiacom peitos adequados e inadequados e categoria pesadacom peitos adequados e inadequados.

As aves com peitos inadequados, ou insuficientes para idade, devem receber uma suplementação a mais de GAD, afim de obter a correta conformação na transferência.

Esse volume de suplementação semanal leva em consideração a recuperação do lote. Observa-se sempre a diferença de peso, comparando com o peso das aves médias do lote.

Fundamental ter a gestão da recuperação e controle de peso das aves, utilizando todos os recursos possíveis: visita ao lote, avaliação manual das aves, acompanhamento, em gráficos, da evolução dos pesos de cada categoria.

Não esperar a próxima seleção 100% para ajustar os suplementos. Reduzi-los se os pesos recuperarem já na primeira semana pós seleção. Normalmente, quando a resposta do lote ocorre já na primeira semana, é mais prudente aguardar mais uma semana antes da redução, evitando ganho e perda de peso.

Uniformidade, peso e conformação são os três principais indicadores gerenciados durante a recria. Possuem como origem as pesagens semanais, seleções e avaliações técnicas de conformação de peito, reservas de gordura pélvica e na asa, sendo a realização de todas essas, executadas por equipe técnica  especializada. Do contrário, a gestão desses números nos levará a tomadas de decisão equivocadas.

cobb




MERCADO +

DataProdutoValor
07/08/2020 Congelado +
(kg)
R$ 4,94
07/08/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 4,94

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
27 - 31/07/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 83,91
R$ 104,32

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies