26 ago 2020

Royal DSM reorganiza negócio de Nutrição e Saúde Animal e reforça seu compromisso sustentável com soluções de menor impacto ambiental

Augusto Adami butrição dsm

A Royal DSM, empresa global baseada em ciência para Nutrição, Saúde e Vida Sustentável, anuncia a reorganização do seu negócio de Nutrição e Saúde Animal com o objetivo de estreitar o relacionamento com seus clientes, bem como simplificar os processos em toda cadeia.

Sendo uma das principais fornecedoras de aditivos nutricionais para saúde e bem-estar animal, toda a estratégia da unidade de negócio foi repensada visando a redução do impacto nos principais desafios da indústria, por meio do desenvolvimento de soluções inovadoras que contribuam para a produção de proteínas animais mais sustentáveis.

dsm nutrição

Concentrando todos os esforços no conceito Customer Centricity, a companhia criou duas linhas de negócio para o escopo global de Nutrição e Saúde Animal, possibilitando uma maior agilidade no relacionamento com os clientes, por meio da área de Core Business, e no desenvolvimento de soluções inovadoras com a área de Especialidades.

augusto adami dsm nutrição“A DSM vem investindo significativamente em soluções para o agronegócio nos últimos anos, especialmente em tecnologias que melhoram a produtividade dos plantéis, aliando a qualidade do produto final, a sustentabilidade nos processos produtivos e a saúde e bem-estar dos animais. Com a adoção das duas novas linhas de frente, por um lado, nós temos a oportunidade de ampliar o nosso atendimento, expandindo geograficamente nossa atuação e respondendo com mais agilidade à crescente demanda do mercado, ao mesmo tempo que oferecemos soluções inovadoras, sustentáveis e de alta performance para atender as necessidades da indústria, dos consumidores e do planeta”, diz Augusto Adami, Vice-Presidente de Nutrição e Saúde Animal da DSM na América Latina.

A linha de Core Business tem como foco a melhoria da eficiência operacional do negócio, mantendo uma vantagem competitiva no mercado, com soluções já conhecidas no setor como premixes e vitaminas.

“Esta linha de frente atenderá nossos clientes com muito mais agilidade, beneficiando a alta procura por produtos que corroboram com a saúde e o bem-estar dos animais, bem como no crescimento do nosso negócio em todos os segmentos seja para ruminantes ou monogástricos”, afirma Fernando Bocabello, diretor de Core Products e Soluções Premixes da DSM na América Latina.

Comprometimento com a sustentabilidade: inovações com menor impacto ambiental

Há mais de 12 anos, a DSM tem a sustentabilidade como um valor e está envolvida em diversas iniciativas voltadas à melhora do clima e energia do planeta para a criação de um futuro melhor para todos. Por este motivo, desenvolve tecnologias e inovações que visam reduzir drasticamente as emissões de carbono, dando origem a produtos e processos mais sustentáveis. A área de Especialidades tem como foco exatamente este propósito, objetivando acelerar o desenvolvimento de soluções inovadoras, que possam dar suporte para a produção de proteínas animais mais sustentáveis.

“A produção sustentável é um fator extremamente importante, especialmente diante da crescente demanda por carne, leite, peixe e ovos. Ao mesmo tempo que exigimos alimentos mais saudáveis e nutritivos, a sustentabilidade é um impulsionador real para atender às necessidades tanto do consumidor quanto do planeta, onde se torna cada vez mais necessário produções agropecuárias com menor impacto ambiental”, reforça Regiane Peres, Diretora de Especialidades da DSM na América Latina.

Estima-se que até 2029 a produção de carne seja de mais de 565 milhões de toneladas¹, bem como a demanda por ovos que a DSM estima, com base nos dados de associações, que seja de 89 milhões de toneladas. Paralelamente, a procura por uma alimentação mais saudável, balanceada e rica em nutrientes cresce exponencialmente, impulsionada não apenas pelo aumento populacional, mas pelas mudanças de hábitos e de conscientização dos consumidores em relação à saúde.

“Devemos reforçar que a saudabilidade provida de fontes proteicas depende também da nutrição e do bem-estar dos seus provedores. Realizar uma mudança para sistemas de alimentação mais sustentáveis e saudáveis é complexo e, para a indústria, esse movimento exige inovação e disposição na adoção de novas tecnologias, garantindo a melhoria dos índices zootécnicos das espécies para que mantenham um alto desempenho em relação à produtividade e qualidade dos alimentos”, completa Regiane.

Para colaborar com este movimento, o negócio de Nutrição e Saúde Animal da DSM centralizou sua estratégia no We Make it Possible (Nós tornamos isso possível) com a missão de liderar uma transformação robusta e viável em todo o mundo na produção sustentável de proteína animal e acelerar soluções que promoverão um futuro mais brilhante.

Alinhada com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável* da Organização das Nações Unidas (ONU), a iniciativa é impulsionada por seis plataformas de sustentabilidade que abordarão os principais desafios enfrentados pela indústria da pecuária, refletindo o compromisso da companhia de ser um agente de mudança, conduzindo diálogos globais, conectando diversos públicos de interesse do sistema agrícola, pensando no futuro, gerando ideias e novas formas de trabalhar. São eles:
  1. Melhorar o desempenho ao longo da vida dos animais de criação: aumentar a produtividade média dos produtores de alimentos, melhorando a saúde dos animais em todas as fases da vida com foco na redução da incidência de doenças e na melhoria da eficiência produtiva por meio de soluções nutricionais balanceadas para cada necessidade, bem como na diminuição de gases poluentes e na rentabilidade dos produtores, ajudando no impulsionamento do setor.
  2. Uso eficiente dos recursos naturais: apoiar a indústria de nutrição animal na redução do uso dos recursos naturais como a utilização consciente da água, menor uso de fosfatos provenientes de rocha, desmatamento zero e impulsionar a utilização de fontes alternativas de alimentos para um crescimento sustentável.
  3. Reduzir as emissões da pecuária: globalmente, as emissões de gases de efeito estufa associados à pecuária correspondem a 7,1 gigatoneladas (Gt) de dióxido de carbono equivalente (CO2eq) por ano, o que representa 14,5% de todas as emissões de gases de efeito estufa de origem humana. As principais fontes de emissão são as produções e processamentos de alimentos (45% do total), fermentação entérica de ruminantes (39%) e decomposição de estrume (10%). A produção de carne e leite é a maior responsável pela maioria das emissões, contribuindo respectivamente com 41% e 19% das emissões do setor². A DSM quer incentivar a utilização de componentes, aplicados na criação dos animais, com baixas emissões de gases de efeito estufa, por isso integra medidas climáticas para combater tais efeitos em políticas nacionais, de estratégia e de planejamento em todo o negócio.
  4. Ajudar no combate à resistência antimicrobiana: a substituição dos antibióticos por aditivos inovadores como eubióticos e enzimas é cada vez mais necessária para garantir a saúde das espécies. Com a junção de uma nutrição vitamínica adequada é possível melhorar os índices zootécnicos dos animais.
  5. Reduzir a dependência dos recursos marinhos: reduzir a dependência dos recursos marinhos para alimentação de peixes, criando fontes alternativas de Ômega-3 e melhorar os valores nutricionais dos produtos em aquacultura para evitar o excesso da pesca predatória.
  6. Melhorar a qualidade dos alimentos (carne, leite, peixe e ovos), ao mesmo tempo em que a perda e o desperdício de alimentos são reduzidos: tornar todo o processo da cadeia produtiva mais eficiente e sustentável, combatendo a perda e o desperdício de alimentos. Com soluções baseadas em pesquisas científicas, o objetivo é melhorar a eficiência dos sistemas alimentares, fornecendo uma nutrição adequada para as diferentes espécies da cadeia. A meta da companhia é reduzir a perda e o desperdício de alimentos em 50% até 2030.
A iniciativa estratégica We Make it Possible surge após muitos anos de investimento e inovação em soluções científicas destinadas a fornecer respostas reais aos desafios que a indústria agrícola enfrenta e marca não um novo começo, mas uma aceleração significativa da jornada em direção a um futuro mais sustentável.
Aceleração global do negócio

Recentemente, a Royal DSM adquiriu o Grupo Erber por um valor de € 980 milhões. Com a aquisição, a companhia entra no mercado de gerenciamento de riscos de micotoxinas “como líder mundial” à medida que aumenta sua posição no mercado de eubióticos, possibilitando uma maior oferta de soluções inovadoras no mercado de saúde animal.

O objetivo da aquisição se concentra em adicionar novas soluções no segmento de Especialidades como a gestão de risco de micotoxinas, também ampliará a posição da DSM em eubióticos.

“O setor de nutrição animal cresce em torno de 1,5% a 2% ao ano e a nossa meta é manter um crescimento 2,5 vezes acima do mercado. Com a chegada do Grupo Erber, fortaleceremos ainda mais nossa liderança no mercado de nutrição e saúde animal, ampliando nosso portfólio com tecnologias inovadoras e sustentáveis”, finaliza Augusto Adami.

¹ OECD-FAO Agricultural Outlook 2020-2029. https://stats.oecd.org/Index.aspx?DataSetCode=HIGH_AGLINK_2020
² “Tackling climate change through livestock”. Food and Agriculture Organization of The United Nations (FAO). 2014. https://www.fao.org/ag/againfo/resources/en/publications/tackling_climate_change/index.htm
*Os objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU são um plano para alcançar um futuro mais sustentável para todos.
Os objetivos listados acima são os seguintes: 2) Fome Zero; 3) Boa saúde e bem-estar; 12) Consumo e produção responsáveis; 13) Ação Climática; 14) Vida na água ( Fonte) .
DSM – Bright Science. Brighter Living.™
A Royal DSM é uma empresa global, baseada em ciência, movida por propósitos, atuante em Nutrição, Saúde e Vida Sustentável. O objetivo da DSM é criar vidas mais brilhantes para todos. A DSM aborda alguns dos maiores desafios do mundo com seus produtos e soluções, ao mesmo tempo em que cria valor econômico, ambiental e social para todos os públicos de interesse – clientes, colaboradores, acionistas e sociedade em geral.
A DSM oferece soluções inovadoras para nutrição humana, nutrição animal, cuidados pessoais e aroma, dispositivos médicos, produtos e aplicações ecológicos e nova mobilidade e conectividade. A DSM e suas empresas associadas geram vendas líquidas anuais de cerca de € 10 bilhões, com aproximadamente 23.000 funcionários. A empresa foi fundada em 1902 e está listada na Euronext Amsterdam. Mais informações podem ser encontradas em www.dsm.com ou www.dsm.com/wemakeitpossible.




MERCADO +

DataProdutoValor
27/10/2020 Congelado +
(kg)
R$ 6,21
27/10/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 6,14

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
19 - 23/10/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 95,94
R$ 115,15

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies