15 maio 2018

Projeto peruano inovador transforma cascas de ovos em alimento

PERÚ Innovador proyecto peruano transforma cáscaras de huevos en alimento cascas de ovos


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

Um inovador projeto desenvolvido no Peru está transformando cascas de ovos em produto alimentício e comercial. Trata-se do resultado de um trabalho conjunto da empresa Ovosur e do Programa Innóvate Perú, apoiando pesquisadores da PUCP.

O trabalho conjunto do setor governamental, iniciativa privada e universidade foi reconhecido internacionalmente com a medalha de ouro na 46 Exibição Internacional de Inventos de Genebra, na Suíça.

A medalha de ouro foi outorgada ao trabalho promovido por pesquisadores da empresa Ovosur, do Grupo Alimenta, que desenvolveram um inovador processo para transformar as cascas de ovos em sais de cálcio de alto valor alimentar, que ogo poderão ser utilizados no fortalecimento de alimentos.

No projeto, que contou com a colaboração da Pontificia Universidad Católica del Perú (PUCP), a concentração do carbonato de cálcio presente na casca do ovo foi determinada com um nível de pureza superior a 95%; então pulverizado e calcinado para obter o óxido de cálcio. Ao misturá-lo com diferentes ácidos, obtém-se sais de cálcio que servem como aditivos alimentares.

Em que consiste esse projeto inovador?

Com o co-financiamento e apoio técnico do Programa Innóvate Perú, Ministério da Produção, a empresa peruana Ovosur, do Grupo Alimenta, desenvolveu um inovador processo para transformar as cascas de ovos em sais de cálcio de alto teor alimentício e valor comercial no mercado nacional e internacional.

A cada ano a empresa gera mais de 1200 toneladas métricas de cascas de ovo, como resultado de seus processos industriais, o que implica um gasto adicional de S/300 milhões (novos sóis – moeda do Peru) destinados ao seu tratamento e eliminação. Para reverter essa situação, a empresa decidiu agregar valor a esses resíduos, com o desenvolvimento de um projeto de inovação.

“Esse processo inovador compreendeu o manejo de diferentes procedimentos na síntese química de sais de cálcio, a partir do carbonato de cálcio presente nas cascas de ovos, conseguindo, assim, produzir quatro tipos de sais: fosfato de cálcio, citrato de cálcio, citrato malato de cálcio e lactato de cálcio; as três últimas, com mais alto valor no mercado”, explica o gerente geral do Grupo Alimenta, Vasco Masías.

Com a implementação deste projeto, que teve a colaboração da Universidad Pontificia Católica del Perú (PUCP), a referida empresa poderia ter um aumento nas vendas de certa de S/3 milhões no primeiro ano, além de criar novos postos de trabalho diretos e indiretos e reduzir o impacto ambiental de suas atividades industriais.

O projeto demandou um investimento total de mais de S/311,000, montante do qual mais de 70% são advindos do Innóvate Perú, através do concurso de Projetos de Inovação Produtiva para Empresas.

Planta de produção em curto prazo

O gerente geral do Grupo Alimenta assegurou que, graças ao apoio do Innóvate Perú, foram realizados os primeiros testes piloto do referido processo padronizado. Isso reduz o risco de investimento da empresa para o desenvolvimento de novos produtos e põe em andamento um plano de negócios com maiores probabilidades de êxito.

A Ovosur planeja, no mais curto prazo, implementar uma planta de produção de derivados de cálcio, que atenda os mais altos padrões internacionais. Assim, será possível que a empresa se posicione como a primeira do Peru a elaborar os referidos aditivos nutricionais, que hoje são importados.

A empresa também utilizará os sais de cálcio como matéria prima para a elaboração de seus ovoprodutos e como um aditivo importante na nutrição das galinhas das granjas produtoras de outra das conhecidas empresas do grupo empresarial, melhorando assim a qualidade dos ovos.

Diamond V


NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Julho 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies