19 jan 2018

Pontos críticos no manejo de Matrizes Pesadas durante a recria

matrizes

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

A gestão diária das matrizes de frangos de corte apresenta uma série de pontos de atenção específicos. Com os avanços na eficiência alimentícia dos frangos de corte e a melhora dos rendimentos, as ações tomadas em relação às matrizes tornam-se importantes.

Há aspectos do manejo que, se controlados durante a recria (0-24 semanas de idade) e em condições normais de nutrição e saúde, ajudarão a conseguir um rendimento produtivo e reprodutivo alto e persistente nos lotes de matrizes.

Perfil de crescimento

O conhecimento de mecanismos fisiológicos que ocorrem durante o desenvolvimento é muito útil para compreender o perfil de crescimento.

Assim, ao final do período de cria (de 4 a 5 semanas de idade), a ave chega a aproximadamente 50% de seu tamanho esquelético, e entre as 10 e 12 semanas de idade alcança mais de 90% de seu crescimento esquelético (Figura 1).

reproductoras

Figura 1. Princípios do crescimento e desenvolvimento das ave

 

Outro ponto muito importante é garantir uma mudança na direção do perfil de crescimento das matrizes por volta das 15 semanas de idade. A partir desta idade, o peso corporal é aumentado com o objetivo de acumular reservas e conseguir uma boa condição corporal.

reproductoras

Taxa de crescimento

Entre 21 e 25 semanas de idade, a taxa de crescimento das fêmeas aumenta rapidamente (mais que em qualquer outro momento durante a vida do lote), pois se preparam para o início da postura.

Nos machos, este aumento ocorre entre 19 e 24 semanas de idade.

Puberdade

Na puberdade, com a mudança no perfil de crescimento, as fêmeas também começam a “aumentar o peito”

reproductoras

Ao menos 80% das fêmeas devem exibir esta conformação quando chegam à fase reprodutiva

incubadoras

Classificação & uniformidade

Como conseguir mais uniformidade em uma idade precoce?

Uma estratégia prática para conseguir uniformidade desde cedo é aumentar gradativamente a área de cria a partir dos 3 dias de idade, com eliminação completa dos anéis de criação entre 5 e 7 dias. Aumentar gradativamente a área de cria a partir dos 3 dias de idade garante que as aves tenham um bom acesso ao alimento e à água durante a primeira semana de vida, o que ajuda a promover uma boa uniformidade.

É fundamental proporcionar um espaço de alimentação adequado de acordo com a idade para garantir o crescimento das aves, o que é vital para conseguir melhor uniformidade desde cedo

 

Espaço de alimentação recomendado de acordo com a idade

É essencial garantir que a uniformidade e a velocidade de distribuição da alimentação sejam otimizadas, independentemente do tipo de comedouro (comedouros de bandeja ou de prato, comedouros automáticos ou tremonhas) (Tabela 1). O alimento deve ser distribuído a todas as aves em menos de 3 minutos, o que pode se conseguir com tremonhas adicionais.

alimentación reproductoras

Tabela 1. Espaço de alimentação recomendado de acordo com a idade da reprodutora

Uniformidade do lote

Aos 28-35 dias de idade, deve-se calcular a uniformidade do lote (CV%) na pesagem das aves. Pode ser necessário separar o lote em 2 ou 3 subpopulações, segundo o CV% (CV% < 10 = 2 subpopulações, CV% > 12 = 3 subpopulações). Na América Latina, muitas empresas com alta produtividade preferem classificar o lote (de ambos os sexos) em 5 ou 6 subpopulações

O motivo de separar o lote em subpopulações é reduzir o nível de peso de cada grupo. Dessa forma, a competição é efetivamente reduzida devido à homogeneidade do grupo (Figura 2). Pode haver também uma vantagem adicional, visto que é possível alimentar cada subpopulação de maneira mais efetiva, de acordo com o perfil de peso corporal das aves.

alimentación

Figura 2. Exemplo de um plano gradual com separação de subpopulações baseado no peso corporal

instalaciones avícolas

 

 

Tempo de distribuição da alimentação

O tempo de distribuição da alimentação deve ser vigiado de perto a fim de garantir que todas as aves recebam uma porção adequada de nutrientes, mantendo o mínimo de competição. Na América Latina, o tamanho de subpopulações de aproximadamente 1000 fêmeas por aviário ajuda a reduzir ainda mais a competição, o que pode contribuir para a uniformidade da população.

Não é recomendado que o lote volte a ser classificado depois de 10-12 semanas de idade, quando o esqueleto já está formado

Os círculos destacados mostram a uniformidade antecipada em 10, 15 e 21 semanas de idade. Em 10 semanas, há 90% de crescimento esquelético. Em 15 semanas, e novamente em 21 semanas, percebe-se uma mudança em direção ao aumento do peso corporal.

Figura 3. Objetivos práticos de
uniformidade nas fêmeas matrizes

 

Nutrição semanal e acumulada

Em fêmeas, controlar o desenvolvimento de gordura abdominal (gordura) em relação ao peso corporal também é uma boa forma de avaliar o programa de alimentação na recria.

reproductoras pesadas

 

  • A porcentagem adequada de gordura do coxim plantar ajuda a manter a produção constante de ovos.
  • Recomenda-se confirmar o cumprimento dos requisitos de ingestão semanal de proteínas e quilocalorias por ave.
  • Ao comparar a ingestão real com os níveis teóricos recomendados, as diferenças entre os dois podem ter um efeito prejudicial sobre o desenvolvimento do perfil de crescimento.
  • Com 20 semanas de idade, a ingestão acumulada de nutrientes deve ser de ao menos 23.000 quilocalorias e 1.200 gramas de proteína para as fêmeas

Nutrição semanal e acumulada

Como garantir o aumento apropriado do peso corporal?

Para garantir o aumento apropriado do peso corporal das fêmeas entre 15 e 24 semanas de idade, e considerando a administração de vacinas intramusculares entre o período de 15-18 semanas, é possível que sejam necessários maiores aumentos semanais de alimentação, com aumentos menores entre 21-24 semanas de idade. Maiores aumentos semanais de alimentação, com aumentos menores entre 21-24 semanas de idade, ajudam a manter ganhos importantes de peso corporal nessa etapa delicada da vida

O desenvolvimento dos tecidos reprodutivos ocorre depois da fotoestimulação, e os motivos para não se conseguir um aumento de peso adequado durante a puberdade podem ser:

  • Início tardio da postura
  • Alterações no tamanho inicial do ovo
  • Produção reduzida no pico de postura
  • Perda de sincronização sexual entre machos e fêmeas

Outros aspectos a considerar no desenvolvimento das aves

Implementação de um programa de iluminação apropriado durante o período de cria. Idealmente, o dia deve durar 8 horas, com uma intensidade de luz de 10-20 luxes, alcançada a partir dos 10 dias e antes dos 21 dias de idade, devendo ser mantida ao menos até as 21 semanas de idade a fim de dissipar a fotorrefração juvenil.

O aumento da duração do dia (fotoestimulação) deve ser administrado aos 147-154 dias de idade, a depender da uniformidade do lote. As fêmeas e os machos devem ser misturados a partir dos 161 dias de idade em uma proporção de 9,5-10%. É essencial que apenas galos e galinhas com a mesma maturidade sexual estejam emparelhados ou, do contrário, haverá uma fertilidade precoce pobre e um número reduzido de frangos

A gestão das granjas de recria de matrizes é otimizada quando se presta atenção a uma série de pontos específicos. Para avaliar e analisar constantemente o ambiente das aves, nada poderá substituir um trabalhador de granja objetivo e experiente, ainda que, com uma compreensão das áreaschaves discutidas, seja possível alcançar e até superar os objetivos de rendimento. O sucesso do lote requer atenção à uniformidade, a correta ingestão de nutrientes e a observação da iluminação adequada e do tempo correto de acasalamento. A reavaliação contínua das práticas de criação acarretará uma produção previsível e constante de matrizes.

 




MERCADO +

DataProdutoValor
07/08/2020 Congelado +
(kg)
R$ 4,94
07/08/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 4,94

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
27 - 31/07/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 83,91
R$ 104,32

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies