16 abr 2018

Como obter ovos mais robustos e melhorar a segurança alimentar?

¿Cómo obtener huevos más robustos y mejorar la seguridad alimentaria? ovos


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

Um projeto internacional de pesquisa, liderado pelo professor Marc McKee da McGill University do Canadá, com a participação de Alejandro B. Rodríguez Navarro, professor do departamento de Mineralogia e Petrologia da Universidade de Granada, Espanha, estudou em detalhes as nanoestruturas da casca dos ovos das galinhas.

O conhecimento da estrutura interna da casca do ovo pode auxiliar na seleção genética das galinhas, afim de obter ovos mais robustos, difíceis de quebrar e saudáveis.

A casca do ovo das galinhas é formada por matéria orgânica e inorgânica de carbonato de cálcico. Uma descoberta importante deste trabalho, publicado na Science Advance, é que a nanoestrutura está associada com a osteopontina, uma proteína da casca do ovo que também se encontra nos ossos.

Os resultados da pesquisa permitem compreender melhor o desenvolvimento dos embriões das galinhas no interior dos ovos, um processo que vem se otimizando com precisão cirúrgica graças à sua evolução durante os milhões de anos de existência das aves.

O processo de evolução do ovo
A casca dos ovos é suficientemente resistente para que, uma vez posto e durante a incubação, se evite sua ruptura. Ao longo do crescimento do embrião, ele necessita cálcio para a formação de seus ossos. O cálcio é obtido graças à dissolução do interior da casca do ovo, que por sua vez vai se debilitando para favorecer a ruptura no momento da eclosão e saída do pintinho.

A equipe internacional de pesquisadores descobriu que este processo é possível graças a mudanças produzidas nas nanoestruturas da casca durante a incubação.

Repercussões alimentares
Os cientistas conseguiram recriar nanoestruturas similares às da casca do ovo com proteínas. “Uma melhor compreensão do papel das proteínas nos processos de calcificação que fortalecem a estrutura da casca do ovo pode ter importantes repercussões na segurança alimentar destes produtos”, afirmam os responsáveis pelo trabalho.

Aproximadamente 10% dos ovos das galinhas quebra, o que aumenta o risco de intoxicações alimentares como a salmonelose”, explicam os pesquisadores. “Entender como as nanoestruturas minerais contribuem para fortalecer a casca pode permitir à ciência realizar uma seleção genética das galinhas com o objetivo de obter ovos mais robustos e saudáveis”.

O estudo da estrutura interna da casca de ovo é complexo pela facilidade com que este se quebra. A equipe internacional de cientistas utilizou um sistema de diluição de íons para estudar de forma precisa a estrutura interna deste material mediante microscopia eletrônica na McGill University.

 

¿Cómo obtener huevos más robustos y mejorar la seguridad alimentaria? ovos

À esquerda, o professor do departamento de Mineralogia e Petrologia da UGR, Alejandro B. Rodríguez Navarro. Fonte: Universidade de Granada, Espanha.

Referência bibliográfica:
Athanasiadou et al. Nanostructure, osteopontin, and mechanical properties of calcitic avian eggshell. Science Advances 30 Mar 2018: Vol. 4, no. 3, eaar3219 DOI: 10.1126/sciadv.aar3219

Diamond V


NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Julho 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies