30 nov 2020

Influenza Aviária: mais de 390 mil aves sacrificadas na Coreia do Sul

frango de corte influenza aviária


AUTOR(ES)

Priscila Beck

Diamond V

Mais de 390 mil aves foram sacrificadas no sudoeste da Coreia do Sul devido à Influenza Aviária Altamente Patógena. Segundo informe da OIE (Organização Mundial de Saúde Animal), 292 mil frangos e 100 mil patos foram submetidos ao abate sanitário em Jeolla do Norte, localizada no sudoeste do país.

A cepa H5N8 foi confirmada no dia 28 de novembro em um laboratório de referência nacional via exame de RT-PCR (técnica de Reação em Cadeia da Polimerase com Transcriptase Reversa). O caso foi informado à OIE nesta segunda-feira (30/11).

frango de corte influenza aviária

No dia 1/11 foram notificados dois casos de Influenza Aviária Altamente Patógena H5N8 em patos mandarim nas regiões noroeste e centro-oeste do país. As detecções se deram durante vistoria preventiva realizada em áreas de repouso de aves migratórias.

Somente na Ásia, no mês de novembro a OIE notificou focos de Influenza Aviária Altamente Patógena no Japão (330 mil frangos de corte foram afetados) e Laos (1.539 aves).

Na semana passada os Estados Unidos restringiram importações avícolas de regiões da Austrália, Croácia e Japão devido a focos de Influenza Aviária Altamente Patógena. A informação foi oficializada no dia 25/11 pelo APHIS (Serviço de Inspeção de Saúde Animal e Vegetal) do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos).

Desde o início do mês de novembro, a OIE já emitiu mais de 30 notificações de focos de Influenza Aviária em 17 países. Os focos estão distribuídos pelo Europa, Eurásia, África e Ásia, sendo muitas notificações relacionadas a aves silvestres e marítimas. Só na Alemanhajá foram reportados mais de 30 focos nos estados de Schleswig-Holstein, Mecklemburgo, Brandemburgo e Baixa Saxônia.

No dia 3 de novembro, o APHIS restringiu a importação de aves, ovos férteis, produtos avícolas não processados e subprodutos da região afetada pela Influenza Aviária no Reino Unido. Já no dia 5 de novembro foi a vez de o órgão sanitário norte-americano restringir os produtos avícolas originados de Kagawa, no Japão.

Fonte: OIE

Diamond V


NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Julho 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies