04 jun 2018

Novos investimentos para a indústria avícola da América Central

Nuevas inversiones para la industria avícola de Centroamérica indústria avícola


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

A Cargill está considerando aumentar seu posicionamento na indústria avícola de Honduras e da Colômbia. Além disso, está planejando construir um novo centro de distribuição na Costa Rica e uma nova linha para galinhas reprodutoras na Nicarágua. O presidente executivo da Cargill Proteína América Latina, Xavier Vargas, aponta que serão destinados, por país, aproximadamente US$20 milhões.

Com a nova linha para reprodutoras, pretende-se inovar a cadeia produtiva nicaraguense com a produção de um milhão de ovos férteis, que se transformarão em um milhão de pintinhos por semana.

Com esse novo investimento, a Nicarágua irá reduzir a importação de ovos férteis, atualmente vindos de Honduras, Costa Rica e Estados Unidos.

A Nicarágua é o país onde a Cargill vem apostando fortemente nos últimos anos. Em abril passado, a empresa inaugurou, na estrada para Masaya, uma planta de processamento de aves, que representou um investimento de US$45 milhões.

O presidente executivo da Cargill Proteína América Latina, Xavier Vargas, garantiu que “Essa é a maior planta da empresa na região centro-americana e a mais moderna, que lhe permitirá aumentar sua capacidade em 50%”. Atualmente, na referida planta estão sendo abatidos 13.500 frangos por hora.

Além disso, explicou que poderão se inscrever para serem certificados e conseguir exportar, ainda que isso não seja de maneira imediata.  – El Economista.

A Cargill é uma empresa de capital norte-americano, que começou suas operações na Nicarágua no ano 2000, ao adquirir a Tip Top Industrial e, desde então, investiu mais de US$140 milhões no país.

Por sua vez, o presidente em exercício para Investimentos na Nicarágua, Álvaro Baltodano, destacou que os investimentos da Cargill “garantem” que os investimentos norte-americanos continuem crescendo no país. Além disso, destacou que “apenas no ano passado, os investimentos dos Estados Unidos cresceram 13% na Nicarágua e esperamos que continuem aumentando”.

Além disso, Xavier Vargas declarou que estão muito otimistas com o crescimento continuo do consumo nos países onde estão presentes, particularmente nas categorias de frango e embutidos.

O presidente executivo da Cargill Proteína América Latina, destacou que “prova dessa confiança são os investimentos que vimos concretizando. O consumo de frango continuará aumentando nos países da região, impulsionado, sobretudo, por sua condição de ser uma proteína mais saudável, acessível e versátil. A categoria de embutidos também continuará crescendo, inclusive em mercados mais maduros, o que nos enche de confiança sobre as perspectivas futuras”.

Para concluir, em termos de futuro, Xavier Vargas ressaltou que o cenário político e social de cada país são os principais desafios, após destacar que a grande força da empresa são seus colaboradores.




MERCADO +

DataProdutoValor
22/10/2020 Congelado +
(kg)
R$ 6,21
22/10/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 6,11

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
13 - 16/10/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 96,57
R$ 114,39

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies