21 set 2017

México troca experiência sobre sanidade aviária na Argentina

Experiencias sobre sanidad aviar entre México y Argentina sanidade aviária


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

De 4 a 8 de setembro a médica veterinária do Serviço Nacional de Sanidade, Segurança e Qualidade Agroalimentar (Senasica) do México, Silvia Gabriela Morales Anaya, realizou uma visita ao Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa) para trocar experiencias sobre sanidade aviária.

O coordenador do Programa de Sanidade Aviária do Senasa, Daniel Caría, enfatizou que “A visita aconteceu dentro do convênio denominado Fortalecimento da cooperação técnica nos temas relacionados com a avicultura, biosseguridade, vigilância ativa e passiva para a Influenza Aviária”.

Além disso, o coordenador do Programa de Sanidade Aviária do Senasa explicou que a visita da médica veterinária mexicana do Senasica é muito valiosa. “São trocas muito importantes, já que desta forma conhecemos a experiência que eles viveram e vivem no que se refere à Influenza Aviária e, assim, poderemos reagir de maneira rápida e eficiente diante de um evento sanitário deste tipo”.

Durante sua visita, Silvia Morales esteve no Laboratório Nacional de Referência que o Senasa possui em Martínez, província de Buenos Aires, para assistir a exposições teóricas sobre a entrada e rastreabilidade das amostras, atividades das áreas relacionadas com o diagnóstico de enfermidades aviárias no âmbito do programa oficial (Influenza Aviária, Doença de Newcastle e salmonelose), além de uma visita guiada pelos setores com níveis de biosseguridade 2 e 4 da Dilab.

Visitou ainda o Centro Regional Buenos Aires Norte, onde conheceu seu funcionamento interno e de interação entre a sede central e os produtores. Também assistiu a uma demonstração do funcionamento do Sistema Integrado de Gestão de Sanidade Animal (SIGSA).

O convênio foi realizado entre o Senasa e o Senasica por intermédio do Fundo Argentino de Cooperação Sul-Sul e Triangular (FO-AR). O fundo é um instrumento do Ministério de Relações Exteriores e Culto da República Argentina por meio do qual o país promove iniciativas conjuntas de cooperação técnica com outros países, mediante mecanismos de associação, colaboração e apoio mútuo.

Neste encontro foram analisados temas de cooperação entre ambos países como a aplicação de medidas de manejo, higiene e biosseguridade, os programas de vigilância epidemiológica ativa e passiva para a influenza aviária, o registro e rastreabilidade em estabelecimentos avícolas comerciais, a utilização de sistemas informatizados e a aplicação de planos de contingência.



NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Abril 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies