novembro 2017

Mapa cria Programa de Prevenção e Controle de Antimicrobianos

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) instituiu o Programa Nacional de Prevenção e Controle de Resistência a Antimicrobianos na Agropecuária (AgroPrevine). O programa foi criado por meio da Instrução Normativa Nº 41, publicada no Diário Oficial da última quinta-feira (9/11).

Segundo material divulgado pelo Mapa, o AgroPrevine promoverá intervenções estratégicas no mercado como: estudos epidemiológicos, fortalecimento da implementação de medidas de prevenção e controle de infecções, promoção do uso racional dos antimicrobianos e da sua resistência.

O objetivo é fortalecer as ações de prevenção e controle da resistência aos antimicrobianos na agropecuária, considerando o conceito de saúde única, que estabelece a interdependência entre a saúde humana, animal e ambiental, utilizando como ferramentas educação sanitária, vigilância e defesa agropecuária.

Segundo a IN no41, a coordenação do AgroPrevine será exercida pelo Departamento de Fiscalização de Insumos Pecuários, da Secretaria de
Defesa Agropecuária – DFIP/SDA.

Semana Mundial 

O Ministério participará, a partir de segunda-feira (13/11), da Semana Mundial de Conscientização do Uso Racional de Antibióticos. Todos os ministérios envolvidos com o assunto vão veicular nas redes sociais informes sobre o uso de antimicrobianos.

De acordo com a auditora fiscal federal agropecuária, Suzana Bresslau, coordenadora de Programas Especiais do Mapa, “a instrução normativa  formaliza o comprometimento do ministério com a implantação do Plano de Ação Nacional para a Prevenção e Controle da Resistências aos Antimicrobianos preconizado pela OIE (Organização Mundial de Saúde Animal), OMS (Organização Mundial da Saúde) e FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura)”. Suzana Bresslau integra a Comissão sobre Prevenção da Resistência aos Antimicrobianos em Animais do Mapa.

Antimcrobianos na Avicultura

No último mês de abril, o Conselho Internacional de Avicultura (IPC, sigla em inglês), adotou uma posição global pelo uso responsável e eficaz de antimicrobianos na produção avícola mundial.  A decisão pelo alinhamento entre os países associados à organização – que reúne 84% da produção avícola mundial – ocorreu durante encontro realizado no fim de abril, em Cartagena, na Colômbia.

O documento estabelece um caminho baseado em informações científicas que possa ser seguido pelas indústrias e que resguarda a eficácia do uso de antimicrobianos ao mesmo tempo que trata sobre resistência a antimicrobianos, bem-estar animal, segurança do alimento e preocupações dos consumidores.

Com informações da Assessoria de Imprensa do Mapa

Diamond V

NEWSLETTERS

Revista Digital, Boletins Semanais, Acesso aos PDFs

Cadastro

Revista aviNews Brasil
Ed. 2019 AviNews Brasil Março