03 jul 2017

Laboratórios de sistemas avícolas do Estado da Geórgia

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

Tradicionalmente, a função principal dos laboratórios avícolas é o diagnóstico de enfermidades, pesquisa e ensino no caso das instituições acadêmicas. No entanto, a missão dos laboratórios avícolas deve ir muito mais além do diagnóstico de enfermidades.

laboratoriosPara ilustrar a importância deste conceito apresentamos uma descrição do grande universo de funções do Sistema de Laboratórios Avícolas do Estado de Geórgia, nos Estados Unidos (Georgia Poultry Laboratory Network, GPLN), que é uma organização de importância crítica para a Geórgia.

Este estado é o maior produtor de frangos de corte do país, produzindo quase 1 bilhão de frangos por ano. Além disso, o estado conta com o maior inventário de reprodutoras do país, suficiente para produzir quase 1 bilhão de pintinhos por ano.

Também conta com uma grande população de reprodutoras pesadas classificadas como “multiplicadoras” e especializadas na produção de ovos férteis para os mercados internacionais.

A Geórgia não é um grande produtor de ovo comercial, mas mesmo assim conta com aproximadamente 12 milhões de poedeiras comerciais em produção, além das aves de reposição em crescimento e muitas das reprodutoras leves necessárias para o mercado local. Além disso, as maiores empresas produtoras de carne e ovos de codornas se encontram também no estado da Geórgia.

aviculturaUma indústria avícola de tais dimensões e impacto econômico requer apoio de um sistema de laboratórios do mais alto nível para vigiar, diagnosticar e controlar enfermidades de importância econômica e comercial e patógenos relevantes para o bem-estar animal e a saúde pública.

Dado que a indústria dos Estados Unidos exporta aproximadamente 18% de sua produção de frangos; 6% de sua produção de ovos; e 15% de sua produção de perus, é fundamental contar com laboratórios certificados que possam, a sua vez, certificar o estado sanitário dos rebanhos utilizados para os produtos de exportação.

O GPLN é o laboratório avícola de maior volume nos Estados Unidos e por isso é de interesse geral examinar a missão e funções de um laboratório desta natureza

DIREÇÃO, INSTALAÇÕES E HISTÓRIA

O GPLN é uma rede de laboratórios cuja Diretora Executiva é Louise Dufour-Zavala. A rede é operada pela Comissão de Melhoramento Avícola do Estado da Geórgia e funciona como a agência oficial estatal que representa localmente o Programa Nacional de Melhoramento Avícola (NPIP).

A NPIP é uma agência que depende do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), porém é administrada de forma independente sob a tutela de uma mesa diretora composta por representantes da indústria avícola do Estado.

O GPLN é responsável pelos programas oficiais de vigilância de Influenza Aviária, Mycoplasma e Salmonela; e dos padrões nacionais de biosseguridade.

O GPLN iniciou suas operações em 1936 com o objetivo inicial de eliminar a Pulorose Aviária

A missão principal do laboratório é a vigilância de Influenza Aviária, Mycoplasma e Salmonella, além de oferecer outros serviços dos quais 96% são vigilância e 4% são diagnóstico.

O laboratório central do GPLN está situado estrategicamente ao norte da cidade de Gainesville, GA e abrange mais de 3500 m² de construção (Figura 1).

Conta com diversas áreas biosseguras de níveis BL2 e BL3 para recepção de amostras, necrópsias, avaliações de qualidade de pintinhos, preparação de meios de cultivo, bacteriologia, histologia, virologia e serologia, além de salões e salas de reuniões para educação contínua e cursos técnicos.

laboratorio georgia

Figura 1. Fachada do edifício principal do GPLN

O GPLN conta com 50 empregados, muitos dos quais participaram ativamente no projeto das novas instalações. O andar superior do edifício tem janelas que permitem aos visitantes observar todas as áreas de trabalho. A área para visitantes contém diversos materiais didáticos para mostrar ao público em geral e à industria avícola a importância que representa o apoio do laboratório para a economia agropecuária do estado da Geórgia.

VOLUME

O número total de casos admitidos no laboratório excede os 60.000 por ano e o número de provas de laboratório supera 1.200.000. Os usuários podem ter acesso seguro e confidencial a seus resultados de laboratório remotamente a partir de qualquer local com acesso a internet.

MISSÃO

A missão oficial do laboratório é “Proporcionar serviços de vigilância e diagnóstico desde a granja até a mesa e contribuir com a saúde das aves, assim como a segurança das aves e produtos avícolas”.

laboratorioINFLUENZA AVIÁRIA

O GPLN é responsável pelas respostas iniciais contra enfermidades catastróficas como a Influenza Aviária. O laboratório, em conjunto com o Departamento de Agricultura, desenhou um detalhado plano de contingência para o controle de enfermidades como a influenza aviária.

São coordenados frequentes exercícios de prática para despovoar granjas em situações de emergência e também são realizados cursos periódicos sobre tudo o que concerne à prevenção e control da influenza aviária. Além disso, o laboratório implementa sessões de treinamento para o control de enfermidades para todos os produtores das empresas avícolas do estado.

SALMONELOSE & MICOPLASMOSE

Muito provavelmente, o GPLN é o laboratório de maior volume de vigilância para Salmonela nos Estados Unidos. Obtém e recebe amostras do campo e no laboratório para isolar, caracterizar e fazer serotipagem, no mesmo laboratório qualquer isolado do campo ou de produtos avícolas (Figura 2). Em seu carácter de laboratório oficial, o GPLN organiza e participa ativamente de cursos periódicos, teóricos e práticos, sobre detecção e controle de Salmonelose e Micoplasmose.

CERTIFICAÇÃO

O GPLN trabalha em parceria com a indústria para certificar sanitariamente rebanhos, granjas ou empresas, fazendo também constantes auditorias de granjas e incubadoras.

INSTRUÇÃO

Um dos trabalhos mais importantes do laboratório é proporcionar educação contínua a 100% dos produtores do estado sobre temas críticos como biosseguridade, planos de contingência e conhecimentos básicos sobre enfermidades como Micoplasmose, Laringotraqueíte Infecciosa e Influenza Aviária.

Figura 3. Porções seletas de uma maquete educativa no GPLN sobre a estrutura da indústria avícola no Estado da Geórgia

FUNÇÕES PÚBLICAS

O público em geral, incluindo muitos jovens, visita o laboratório para se familiarizar com a indústria avícola e com o suporte tão importante que representa o laboratório e suas funções para a economia do estado.

Uma maquete gigante mostra as principais etapas da produção avícola e é utilizada para explicar a todos os visitantes a estrutura da indústria avícola (Figura 3). Além disso, qualquer visitante pode observar do mezanino as principais áreas de trabalho nos laboratórios e receber explicações sobre as diferentes funções do laboratório (Figura 4).

Figura 4. Todos os laboratórios e a maioria das áreas de trabalho podem ser observadas por visitantes do mezanino, especialmente projetado para isso

Uma parte importante da função do laboratório é seu trabalho social de atrair as novas gerações para as muitas áreas de especialização dentro da indústria avícola.

Crianças da educação básica, estudantes de biologia, microbiologia, biologia molecular, medicina veterinária e profissionais de inúmeros países visitam constantemente o laboratório para se familiarizarem com um sistema de suporte fundamental para a indústria avícola e para descobrir possíveis oportunidades dentro desta indústria.

LOCALIZAÇÃO POR SATÉLITE & EPIDEMIOLOGIA

O laboratório é responsável pelos sistemas de informática para localização por satélite de todas as granjas, incubadoras, fábricas de rações, plantas de processamento e outras instalações para toda a indústria.

Utiliza constantemente estes dados de informática para analisar epidemiologicamente a distribuição e deslocamento de enfermidades em tempo real. Enquanto isto acontece, o GPLN convoca toda a indústria para informar a distribuição de focos de enfermidades e para obter colaboração no control de patógenos.

SERVIÇOS INTERNACIONAIS

O GPLN iniciou muito recentemente um novo tipo de serviço de apoio à industria avícola de outros países.

Nem todos os serviços aqui descritos podem ser proporcionados para empresas internacionais devido à impossibilidade de importar certos materiais; no entanto, muitos destes serviços que são de alto valor podem ser aplicados seguindo as instruções constantes do site www.gapoultrylab.org, onde pode-se revisar os requisitos e baixar as licenças de importação necessárias.

jaulas ponedoras




MERCADO +

DataProdutoValor
31/07/2020 Congelado +
(kg)
R$ 4,87
31/07/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 4,86

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
20 - 24/07/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 85,11
R$ 105,66

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies