22 jul 2021

Impacto do manejo, umidade e concentração de amônia na cama sob a pododermatite em frangos de corte

Cinergis Pododermatite
get_the_title
  • Avenida Mackenzie, 1835 Ed. José M. Andreta, 13º andar Vila Brandina Campinas, SP CEP 13092-523
    Brasil
  • +55 19 3311.1500
  • www.cinergis.com.br



AUTOR(ES)

Camila Oro

Coordenadora Técnico Comercial da Cinergis Saúde e Nutrição Animal. Técnica em Agropecuária, Médica Veterinária pela UFPR, Mestrado em Ciência Animal pela UFPR, Licenciatura em Agropecuária pela UTFPR e doutoranda em Medicina Veterinária na UNESP – Botucatu.

A condenação de pés por pododermatite gera grande prejuízo às empresas avícolas considerando o valor do produto para a exportação. Ainda, a dificuldade de locomoção das aves afeta o desempenho e o bem-estar do lote.

 

manejo


A qualidade da cama do aviário afeta diretamente a incidência de pododermatite em frangos de corte, aumentando a procura por produtos que melhoram as condições ambientais e que impactam na melhoria dos índices zootécnicos e das condições sanitárias do lote.

O reaproveitamento da cama é uma prática comumente utilizada que visa diminuir custos e resíduos, entre outros benefícios, como maior conforto térmico e menor atrito com o piso. Porém, quando sua capacidade absortiva não é adequada, representa um risco à saúde das aves.

pododermatite

UMIDADE

 

O excesso de umidade na cama proporciona maior condição para a proliferação de bactérias patogênicas, entre outras, que transformam uratos em amônia (Figura 1), gás extremamente corrosivo em contato com a pele e mucosas das aves que compromete o desempenho e a qualidade das mesmas.

pododermatite

Na região sul do país, a concentração de amônia pode ser agravada nas épocas frias devido à menor ventilação dentro do aviário que impede a eliminação do gás.

Existem outros fatores durante a criação das aves que também podem contribuir para o excesso de umidade na cama, como:

pododermatite

 

 

ALTERNATIVAS NATURAIS E SUSTENTÁVEIS

 

Contudo, somente medidas convencionais podem não ser suficientes para evitar o excesso de umidade na cama dos aviários ou reduzir a contaminação microbiológica ambiental.

Hoje existem alternativas naturais e sustentáveis de produtos de alta eficiência, que não são corrosivos e não causam problemas à saúde humana.

Neste contexto, o Bioefitech trabalha de forma sinérgica às boas práticas garantindo maior eficiência na redução da podotermatite.

pododermatite
O Bioefitech é um produto:

natural, à base de alginato e algas marinhas

que controla a umidade da cama e a liberação da amônia para o ambiente,

reduzindo a concentração deste gás dentro do aviário (Figura 2).

 

O produto auxilia, ainda, na redução da contaminação microbiológica ambiental.

pododermatite

manejoTESTES DE CAMPO

 

Em testes realizados a campo, com três repetições de 426 mil aves por repetição, quando utilizado o Bioefitech houve:

melhora da qualidade da cama e

redução da concentração de NH3 (amônia).

 

Foram realizadas medições semanalmente, durante todo o período de alojamento dos lotes, em oito pontos por galpão.

O resultado da aplicação foi a queda sensível nos níveis de NH3, mantendo-a controlada dentro dos limites aceitáveis para a avicultura (Figura 3).

pododermatite

Outro benefício do Bioefitech é que, por ser um produto natural, não oferece risco à saúde das aves e dos colaboradores e, portanto, pode ser utilizado também após o alojamento das aves.

Contudo, a escolha correta do substrato e o manejo adequado da cama nos intervalos entre os lotes são fundamentais para o melhor resultado com o Bioefitech.

Em avaliação realizada em lotes com e sem aplicação do Bioefitech no intervalo entre os lotes, foi possível observar a diminuição da pododermatite nas aves criadas em cama tratada com o Bioefitech (Figura 4).

pododermatite

Entretanto, alguns produtos comumente utilizados no tratamento da cama são agressivos para a pele das aves, piorando as lesões de coxim plantar

O Bioefitech pode ser utilizado entre os intervalos de lotes para auxiliar no tratamento da cama, diminuindo a pododermatite e outras consequências do uso de produtos inadequados.

O impacto causado por produtos convencionais pode ser observado por meio da comparação dos índices zootécnicos quando utilizado o Bioefitech em relação a esses produtos rotineiramente utilizados no manejo da cama (Tabelas 1).

pododermatite

A maior lucratividade quando utilizado o Bioefitech é proporcional ao maior conforto, saúde e bem-estar das aves, considerando que, com a redução da pododermatite, ocorre melhora do desempenho das aves, como demonstrado na figura 5 e tabelas 2 e 3.

manejo
pododermatite
pododermatite
pododermatite

Desta forma, utilizar o Bioefitech é uma excelente alternativa para reduzir prejuízos com a pododermatite e melhorar o bem-estar animal, auxiliando também na aquisição de novos mercados.

REFERÊNCIAS

MARTLAND M.F. Wet litter as a cause of plantar pododermatitis, leading to foot ulceration and lameness in fattening turkeys, Avian Pathology, 13:2, 241-252, 1984.

NAGARAJ, M. Effect of High-Protein and All-Vegetable Diets on the Incidence and Severity of Pododermatitis in Broiler Chickens. Journal of Applied Poultry Research, v. 16, n. 3, p. 304-312, 2007. ORO, C. S.; GUIRRO, E. C. B. P. Influência da amônia proveniente da cama aviária sobre o bem-estar de frangos de corte. Veterinária em foco, v. 12, n. 1, 2014.

RIKKE, H. O. et al. Characterization of prevalent bacterial pathogens associated with pododermatitis in table egg layers, Avian Pathology, 47:3, 281-285, 2018.

pododermatite
pododermatite



NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Julho 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies