23 abr 2018

Exportações avícolas do Paraguai continuam a crescer em 2018

Exportaciones de carne de ave en Paraguay crecen 21,3%


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

Segundo o informe mensal do Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Animal (SENACSA) do Paraguai, no primeiro trimestre de 2018, as exportações do setor avícola alcançaram cifras positivas quanto a volume, receitas e preços. Não obstante, o maior aumento foi registrado nas receitas, que tiveram um índice positivo de 135% no período analisado.

Receita das exportações do setor avícola
Entre janeiro e março deste ano, as exportações de carne de frango e miúdos avícolas geraram uma receita de US$1.251.737, enquanto no mesmo período do ano passado as receitas pelos mesmos produtos avícolas chegou a US$530.769.

Os números representam um aumento de 135% no primeiro trimestre deste ano, comparado com o mesmo período de 2017.

Volume de exportações de carne de frango
Durante o primeiro trimestre do ano foram exportadas 1.108,1 toneladas do setor avícola (carne de frango e miúdos avícolas). Este volume representa um aumento de 32,5% em comparação com as 835,9 toneladas embarcadas nos primeiros três meses do ano passado, segundo os dados do SENACSA.

O volume de exportações de carne de frango, de janeiro a março de 2018, cresceu 32,5% em relação ao primeiro trimestre do ano passado.

Países importadores de carne de frango 
De acordo com a informação do Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Animal, no transcorrer deste ano o setor avícola negociou com 5 diferentes mercados. Os principais compradores foram: Rússia, com uma participação de 63%; seguida do Vietnã, 20%; Angola, 13%; Haiti, 2%; e Gana, 2%. – La Nación.

Comportamento dos preços das exportações avícolas
Nos primeiros três meses do ano foi registrada uma melhora de 72% nos preços médios de exportação de produtos avícolas, principalmente devido a um maior volume de carne exportado à Rússia, produto que tem melhor cotação que os miúdos, explicaram representantes do setor exportador.

Durante o primeiro trimestre de 2018, os preços médios das exportações de carne de frango tiveram um aumento de 72% em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Em dados concretos, o preço médio registrado no primeiro trimestre foi de US$1.093 a tonelada; representando um aumento de US$458 a tonelada, em comparação com o preço médio do primeiro trimestre do ano passado, que foi de US$635 a tonelada.

No informe do SENACSA indica-se que a tendência é cada vez mais aumentar as exportações de produtos avícolas premium e para isto, segundo eles, é fundamental acessar melhores mercados.




MERCADO +

DataProdutoValor
14/01/2021 Congelado +
(kg)
R$ 5,87
08/01/2021 Resfriado +
(kg)
R$ 5,92

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
04-08/01/2021 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 96,92
R$ 110,45

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil setembro 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


Logo Ceva
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies