01 dez 2017

El Salvador: Avícola instala usina solar para gerar energia limpa

El Salvador: Avícola instala planta solar para generar energía limpia energia limpa


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

Com o objetivo de gerar energia limpa, a empresa Avícola Campestre construiu um sistema de paineis solares em sua planta de produção, no cantão El Brazo, de San Miguel, em El Salvador.

Este sistema de paineis solares teve um investimento de $1,28 milhões. Com este projeto, a empresa busca obter cerca de 40% da eletricidade utilizada para o funcionamento das granjas e da planta processadora da empresa. Os recursos são oriundos de capital miguelenho, que forma parte do Grupo Campestre.

Este novo projeto, para obter um autoconsumo eficiente de energia, instalou 3.424 paineis solares em 6.500 metros de tetos existentes. Com isso será gerada uma potência de 1.000 kilowatts, capazes de produzir 1.700 mega watts por hora de energia em um ano (kWp).

O diretor geral do Grupo Campestre, Sergio Romero, explicou que em 2014 foi realizada uma série de visitas a outros países, com o objetivo de aprender sobre novas tecnologias voltadas à modernização dos processos de produção de suas granjas.

Nestas viagens puderam observar que havia empresas que aproveitavam a energia solar para gerar eletricidade para o autoconsumo, o que lhes permitia realizar custos e produtividade eficientes. Em seguida realizaram um estudo de pré-viabilidade e outro de viabilidade, que os levou a fazer um teste piloto para medir a efetividade do projeto e montar uma planta de maior alcance.

De acordo com Sergio Romero, no ano obtiveram melhores resultados do que os esperados, o que os levou a aumentar a capacidade instalada de 250 kilowatts para 500 kilowatts.

“Com este projeto estamos aproveitando o recurso solar, que é gratuito, e também harmonizando o investimento com os temas ambientais, porque é como semear 935 árvores ao ano. Estamos integrando nossos projetos produtivos com os recursos sustentáveis, como no caso da energia fotovoltaica”, explicou o diretor Sergio Romero.

Além disso, acrescentou que com a planta de paneis solares em El Brazo espera-se produzir 5 megawatts mensais, que serão usados para o autoconsumo. “Isto significa que estaríamos cobrindo 40% do consumo e esperamos ter uma economia entre $12.000 e $13.000 mensais pela substituição da energia que nos é vendida pelas distribuidoras”. –La Prensa Gráfica.

O sistema instalado utiliza 36 inversores que transformam a luz absorvida pelos paineis solares em energia limpa, que é injetada na rede e utilizada em todas as instalações da Avícola Campestre.

Para o próximo ano, a empresa iniciará a segunda fase do projeto energético, avaliada em $1,6 milhões, instalando 3.940 módulos fotovoltaicos nos tetos de sete galpões industriais situados na mesma área. Os módulos ocuparão uma área de 7.670 metros quadrados, com uma capacidade instalada de 1.350 kWp, gerando, nesta fase, 2.095 megawatts por hora de energia anuais.

Uma excelente iniciativa da Avícola Campestre de El Salvador, cuja principal vantagem, ao utilizar paineis solares, é produzir energia limpa e renovável, sem ter que recorrer aos recursos fósseis e energia nuclear. Alem disso, economiza mensalmente com a substituição dos custos com energia elétrica tradicional, pela energia solar.

Diamond V


NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Julho 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies