31 maio 2021

DSM indica alternativas para reduzir a RAM

RAM
get_the_title



Com o objetivo de ajudar no combate à resistência aos antimicrobianos (RAM) e, ao mesmo tempo, contribuir com a transformação de produções mais sustentáveis de proteína animal, a DSM, empresa global baseada em ciência para Nutrição, Saúde e Vida Sustentável, oferece alternativas ao setor que possibilitam o uso racional dos antibióticos, bem como a redução do uso excessivo em tratamentos de doenças em animais.

O compromisso de ajudar a combater a resistência antimicrobiana é uma das seis plataformas de sustentabilidade que permeia a iniciativa We Make It Possible (“Nós tornamos isso possível”, em português), criada pelo negócio de Nutrição e Saúde Animal da DSM. Por meio do seu portfólio de eubióticos e enzimas alimentares, a companhia quer chamar a atenção de todos os envolvidos na cadeia de produção para a necessidade de melhorar a saúde e o desempenho dos animais e reduzir os índices de doenças, oferecendo alternativas que possibilitam o uso racional dos antibióticos, promovendo a diminuição da profilaxia antibiótica e a substituição de promotores de crescimento (APCs).

“A DSM entende que algumas doenças animais necessitam de tratamentos mais aprimorados que são também prolongados e de alto custo, podendo RAMreduzir o aproveitamento e o desempenho animal. No entanto, é necessário olharmos com mais atenção para a saúde animal, oferecendo uma nutrição adequada com soluções inovadoras que apontem para um futuro com produções de proteínas mais responsáveis, enquanto contribuímos para a qualidade dos alimentos que vão à mesa dos consumidores”, destaca Regiane Peres, Diretora de Especialidades da DSM para a América Latina.

 

Uma das alternativas para a produção avícola, por exemplo, é a solução Balancius™, uma tecnologia altamente inovadora que ajuda a otimizar a absorção e digestão dos nutrientes, de modo que as aves obtenham o máximo de eficiência liberando o potencial oculto da funcionalidade gastrointestinal e, consequentemente, a melhora do seu desempenho. Balancius™ hidrolisa peptideoglicanos dos fragmentos de células bacterianas no trato intestinal, melhorando assim a digestibilidade e a absorção de nutrientes. “Estudos científicos constataram que a tecnologia aumenta a conversão alimentar em 3% e o ganho de peso das aves em 4 a 6%. Economicamente, isso traz um custo-benefício muito significativo para o avicultor e tem grande impacto na compensação dos custos de remoção de APCs das dietas das aves”, reforça a Diretora.

Já o VevoVitall® otimiza o equilíbrio da microbiota intestinal dos suínos, pois contém 99,9% de ácido benzóico purificado (de grau alimentício) ajudando a reduzir em até 50% os gastos com tratamentos veterinários, além de promover ganho de 5% no peso final dos animais. Para melhorar o desempenho produtivo das vacas leiteiras, a DSM indica o blend único de óleos essenciais CRINA® Ruminants. A solução reduz problemas de saúde, principalmente relacionados com a mobilização de gordura corporal durante o período de transição e distúrbios ocasionados pelo baixo pH ruminal. A tecnologia ajuda a desenvolver um controle superior de bactérias patogênicas, melhorando assim a produtividade do leite.

“Sendo a RAM um dos temas mais importantes e urgentes da atualidade, a DSM apoia o uso responsável de antibióticos e a substituição das APCs, combinadas com uma boa gestão da propriedade rural e melhorias no manejo, a fim de garantir a saúde e o bem-estar dos animais. Para isso, unimos a nossa expertise em ciência e inovação para ajudar a indústria de proteína animal a acelerar uma transformação robusta na cadeia produtiva para combater este desafio”, finaliza Regiane Peres.
Resistência antimicrobiana, uma ameaça para o futuro
RAMCom o propósito de chamar a atenção de todos os envolvidos para a criação de sistemas alimentares mais sustentáveis e trazer à tona os principais desafios enfrentados pela indústria, a DSM criou o podcast ‘Alimentando o Futuro’. Lançado em novembro de 2020, o novo canal de conteúdo tem apresentação do Professor e engenheiro agrônomo, Dr. Marcos Fava Neves, e traz em seis episódios, as áreas fundamentais para o desenvolvimento de uma produção mais sustentável de proteínas animais.
Vitor Fascina, Gerente de Especialidades para Eubióticos da DSM para a América Latina, e Ana Paula Assef, chefe do Laboratório de Pesquisa em Infecção Hospitalar, do Instituto Oswaldo Cruz/FIOCRUZ, membro da Câmara Técnica de Resistência Microbiana, da Anvisa, e especialista em resistência aos antimicrobianos, contaram no episódio “Resistência antimicrobiana, uma ameaça para o futuro” sobre esta relação direta da produção animal com a saúde humana na resistência aos antimicrobianos e qual o futuro que a sociedade pode esperar daqui por diante. O conteúdo está disponível neste link: https://open.spotify.com/episode/5FhWXJ76mNi4vTkhBhiRtz?si=qkxmjTX7QDSPGnCUA-hMdg
DSM – Bright Science. Brighter Living.™
A DSM é uma empresa global, baseada em ciência, movida por propósitos, atuante em Nutrição, Saúde e Vida Sustentável. O objetivo do DSM é criar vidas mais brilhantes para todos. A DSM aborda alguns dos maiores desafios do mundo com seus produtos e soluções, ao mesmo tempo em que cria valor econômico, ambiental e social para todos os públicos de interesse – clientes, colaboradores, acionistas e sociedade em geral. A DSM oferece soluções inovadoras para nutrição humana, nutrição animal, cuidados pessoais e aroma, dispositivos médicos, produtos e aplicações ecológicos e nova mobilidade e conectividade. A DSM e suas empresas associadas geram vendas líquidas anuais de cerca de € 10 bilhões, com aproximadamente 23 mil funcionários. A empresa foi fundada em 1902 e está listada na Euronext Amsterdam. Mais informações podem ser encontradas em www.dsm.com/latam ou www.dsm.com/wemakeitpossible.
Fonte: InPress



NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Abril 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies