22 jan 2019

Confirmada presença de Influenza Aviária na República Dominicana

República Dominicana: Se confirma presencia de Influenza Aviar Influenza Aviária


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

Foram detectados dois focos de Influenza Aviária na província de Espaillat, região de Corozo e Quebrada Honda, na República Dominicana. A informação foi confirmada pela Pasta de Agricultura do país.

Ao confirmar a presença da Influenza Aviária, subtipo H5N2, na província Espaillat, o ministro de agricultura da República Dominicana, Osmar Benítez, explicou que o vírus não afetará a população dominicana.

Segundo ele, o governo está trabalhando para coordenar o protocolo internacional contra esse tipo de enfermidade, estabelecendo quarentena nas duas regiões afetadas.

Também, segundo informado pelo meio Universal Digital em 20 de janeiro, as equipes das Chefias de Pecuária e Saúde Animal do Ministério da Agricultura, MIA, estão desenvolvendo ações nas granjas que foram afetadas pela Influenza Aviária, evitando que a mesma seja transmitida e se propague.

Entre as ações adotadas é mencionado que todas as aves de produção que estejam localizadas na região afetada serão sacrificadas oportunamente. Também serão desinfetadas e descontaminadas todas as instalações, insumos, materiais, veículos de transporte entre outros.

Também será realizada a pesquisa de vigilância e epidemiologia para determinar a fonte do contágio e possíveis vias de expansão da enfermidade.

Por outro lado, segundo o Universal Digital, o Ministério da Saúde dominicano também instruiu a Secretaria Provincial de Saúde de Espaillat para que os servidores da entidade participem tanto das ações preventivas, como do controle do foco que afeta as aves de produção.

Da mesma maneira, informa que foram feitas advertências sobre a necessidade de uso de equipamentos de proteção adequados para esses eventos, tanto para as pessoas das granjas afetadas pelo foco da Influenza Aviária, como para os trabalhadores que realizam as ações anteriormente detalhadas.

Por sua vez, o Ministério da Saúde da República Dominicana salienta à população que o vírus da Influenza Aviária não provoca a doença nos seres humanos.

Cabe lembrar que, no final de outubro de 2017, a Organização Mundial para a Saúde Animal, OIE, comunicou a detecção do virus da Influenza Aviária levemente patógena de sorotipo H5N2 em aves de postura comercial na província de Espaillat, Guanabano, Moca, República Dominicana República.



NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Abril 2021

ARTIGOS DA REVISTA

img13

Por Felipe Lino Kroetz Neto

View more


 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies