15 mar 2017

Chile autoriza importação de ovos brasileiros

Chile autorizó la importación de huevos y sus derivados desde Brasil


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

O Chile autorizou a importação de ovos e seus derivados do Brasil. O anúncio foi feito pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), observando que a autoridade agrícola do Chile aprovou a proposta de Certificado Sanitário Internacional (CSI) para o modelo de exportação do produto brasileiro.

O interesse comercial do Chile pelo produto brasileiro foi manifestado ao MAPA em junho do ano passado. Com a emissão do certificado, o mercado chileno está aberto. Porém, os embarques dependem agora das negociações entre importadores e exportadores.

De acordo com a Secretaria de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, a abertura deste mercado representa outra oportunidade para o sector produtivo brasileiro. Isto se deve ao fato de que o Chile importa, por ano, mais de US$ 6 milhões em ovos e seus derivados.

O ano de 2017 deverá continuar favorável para o consumo de ovos no Brasil. Segundo os pesquisadores do  Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA), com a lenta recuperação da economia, o poder adquisitivo do Brasil não deverá crescer de maneira significativa, o que favorece a demanda por ovos como uma opção de proteína de baixo custo.

Por outro lado, de acordo com estimativas da Asociação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), as exportações de ovos deverão crescer 3% este ano. O produto brasileiro está ganhando terreno no mercado internacional, especialmente devido aos problemas de sanidade, já que o Brasil não tem registros de casos de influenza aviária como ocorre em muitos países.

De acordo com a ABPA, para atender a demanda interna e externa, a produção de ovos deverá crescer 2% este ano. Se o setor produtivo for capaz de sustentar os preços de venda nos níveis de 2016, sem exceder o aumento da produção, a margem do avicultor de postura pode melhorar ainda mais, uma vez que os preços do milho, principal insumo do setor, deverão permanecer bem abaixo dos níveis registrados em 2016.




MERCADO +

DataProdutoValor
23/11/2020 Congelado +
(kg)
R$ 6,23
23/11/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 6,38

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
16-20/11/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 101,96
R$ 123,72

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil setembro 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
Logo Ceva
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies