25 maio 2021

Cereais de inverno: cultivo tem adesão de Cooperativas em SC

Cereais de Inverno


AUTOR(ES)

Priscila Beck

Diamond V

Onze cooperativas ligadas ao setor agropecuário se uniram ao Projeto de Incentivo ao Plantio de Cereais de Inverno Destinados à Produção de Grãos e serão parceiras para operacionalizar a ação em SC. O secretário de Estado da Agricultura, Altair Silva, e o presidente da Federação das Cooperativas Ágropecuárias de Santa Catarina, Arno Pandolfo, assinaram o termo de compromisso, nesta terça-feira (25/5), em encontro do sistema cooperativista em São Francisco do Sul.

“Estamos dando um subsídio direto para o produtor de cereais de inverno, equivalente a metade do valor atual da semente. Queremos que os agricultores sejam estimulados a investir no cultivo de cereais de inverno para fabricação de ração, criando uma nova cultura em Santa Catarina de ocupar as lavouras também no inverno. Por isso é importante envolver toda cadeia produtiva, para que possamos avançar ano a ano”, destaca o secretário da Agricultura, Altair Silva.

Cereais de Inverno

O secretário de Estado da Agricultura, Altair Silva, e o presidente da Federação das Cooperativas Ágropecuárias de Santa Catarina, Arno Pandolfo, assinaram o termo de compromisso, nesta terça-feira (25/5)

O Projeto, elaborado no governo Carlos Moisés, contará com investimentos de R$ 5 milhões para ampliar em 20 mil hectares a área cultivada com trigo, triticale, centeio, aveia e cevada ainda nesta safra. O Estado oferece um subsídio de R$ 250 por hectare efetivamente plantado, em um limite de 10 hectares por agricultor.

O cultivo de grãos de inverno é uma alternativa para reduzir a dependência de milho e os custos de produção, além de trazer mais uma alternativa de renda para os agricultores e mais competitividade para a cadeia produtiva de carnes. Para que o Projeto tenha sucesso, a Secretaria conta com parceiros em todos os elos do setor produtivo: cooperativas, produtores rurais e agroindústrias.

Segundo o presidente da Cooperativa Regional Auriverde, Claudio Post, a parceria com a Secretaria da Agricultura demonstra a força do trabalho conjunto para que o produtor rural tenha mais qualidade de vida e sua renda econômica. Santa Catarina é um dos maiores importadores de milho do Brasil. Todos os anos mais de quatro milhões de toneladas do grão são importados de outros estados e países para abastecer a cadeia produtiva catarinense.

Como funciona

Os produtores rurais procuram as cooperativas agropecuárias participantes do Projeto para manifestar o interesse em fazer a semeadura de cereais de inverno. As cooperativas fornecem as sementes e insumos para o plantio e o produtor paga ao final da safra, quando entrega os grãos e recebem o subsídio de R$ 250 por hectare cultivado.

Os grãos entregues pelos produtores às cooperativas são destinados às agroindústrias e fábricas de ração instaladas no estado. O Projeto segue o modelo do Programa Terra Boa, bastante conhecido pelos produtores rurais de Santa Catarina.



NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Abril 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies