08 ago 2018

Carne de frango perde competitividade em julho

El uso de hormonas en pollos de engorde es un mito y está comprobado


AUTOR(ES)

Priscila Beck

Diamond V

A carne de frango perdeu competitividade no último mês de julho, quando registrou a menor desvalorização frente às duas principais concorrentes, suína e bovina, segundo levantamento do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – Esalq/USP).

No atacado da Grande São Paulo, o preço da carcaça especial suína superou o preço do frango inteiro resfriado em apenas R$ 1,30 / kg, o que representa a menor diferença desde fevereiro de 2016, quando chegou em R$ 1,19 / kg.  Na comparação com a carcaça casada bovina, o preço do frango foi apenas R$5,75 / kg menor, significando também a menor diferença entre os produtos desde julho/17.

carne de frango desvalorizada frente às principais concorrentes no mês de julho de 2018

Ritmo de Normalidade

 

Segundo o Agromensal produzido pelo Cepea, o ritmo de negócios envolvendo a carne de frango no último mês de julho seguiu dentro da normalidade, após as conturbações observadas em maio e junho – a greve dos caminhoneiros, no final de maio, acabou elevando os preços da proteína a patamares que não eram observados desde 2016.

As cotações recuaram durante o mês passado, mas, segundo colaboradores do Cepea, as vendas registraram bons resultados, o que mostra que as desvalorizações aumentaram a liquidez no setor.

No atacado do estado de São Paulo, o frango inteiro resfriado teve preço médio de R$ 3,81/kg em julho, o que representa uma queda de 15,1% frente ao mês anterior. Em Minas Gerais, a desvalorização foi de 7,7%, alcançando a um preço médio de R$ 4,51/kg.

“Mesmo com as quedas, os preços reais são maiores do que os de 2017, o que reforça a ideia de que o setor esteja com oferta e demanda mais ajustadas, uma vez que o ano anterior foi marcado por inúmeros descompassos e quedas expressivas de preço”, salienta a análise do Cepea.

Em São Paulo, a média de julho foi 5,3% maior que o valor real em julho/2017. Em Minas Gerais, o aumento foi de 8,9% (valores deflacionados pelo IPCA de junho/18).

Produção

 

Um dos fatores que tem colaborado para o equilíbrio do setor é a estratégia de controle de produção. Segundo dados da Apinco, em maio/18,
462,2 milhões de pintainhos de corte foram alojados, o menor número desde fevereiro de 2010, quando foi de 448 milhões de animais.

Com informações do Cepea




MERCADO +

DataProdutoValor
14/01/2021 Congelado +
(kg)
R$ 5,87
08/01/2021 Resfriado +
(kg)
R$ 5,92

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
04-08/01/2021 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 96,92
R$ 110,45

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil setembro 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


Logo Ceva
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies