10 jun 2018

Boas notícia para o setor exportador de carne de frango da Argentina

¡Buena noticia para sector exportador de carne de ave de Argentina!


AUTOR(ES)

María de los Angeles Gutiérrez

Diamond V

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

O Ministério da Agroindústria da Argentina informou que o país obteve o Certificado Veterinário Internacional para a carne de frango, o que possibilita a abertura de novos mercados em todo o mundo.

O governo argentino se propôs, dentro de suas metas, continuar posicionando os produtos do país nas gôndolas do mundo, e transformar o país no que se denominou o “supermercado do mundo”.

De acordo com a informação do Diario de Cuyo, o último país a admitir os frangos argentinos foi o Uruguai, com quem foi aberto um interessante vínculo de comercialização que fará com que as exportações cresçam consideravelmente.

No ano passado, a Argentina exportou cerca de 207.000 toneladas de carne de frango, por um total de US$294 milhões, para diversos destinos do mundo com os quais mantém acordos comerciais desde antes de contar com o Certificado Veterinário Internacional, obtido pelo Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa).

O Ministério da Agroindústria da Argentina espera que, a partir de agora, esse total cresça, já que dos 65 atuais destinos que estão sendo abastecidos, há outros 35 que esperam estabelecer negociações para esse produto. Entre os países com maior demanda de frangos argentinos se encontra a China, Rússia, Chile, a União Europeia e África do Sul.

Além disso, o Ministério da Agroindústria reconhece que a Argentina não tem hoje uma importância significativa no comércio internacional de “carnes brancas”, enquanto no cenário mundial são produzidos anualmente aproximadamente 100 milhões de toneladas de carne de frango, das quais 44 milhões são fornecidas pela América. – Diario de Cuyo.

Desse volume citado anteriormente, EUA e Brasil concentram dois terços. O México ocupa o terceiro lugar, com 3 milhões de toneladas , em quarto lugar aparece a Argentina, com 2,1 milhões. Desse total, 12% são exportados e o restante é destinado ao consumo interno, o que faz com que cada argentino consuma 45 quilos ao ano.

Dentro da distribuição geográfica dos centros de maior produção de carne de frango na Argentina, se registra a província de Entre Ríos como a mais importante, com 2.309 instalações avícolas, representando 51% da produção total do país.




MERCADO +

DataProdutoValor
18/01/2021 Congelado +
(kg)
R$ 5,86
18/01/2021 Resfriado +
(kg)
R$ 6,20

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
11-15/01/2021 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 94,62
R$ 110,24

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil setembro 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


Logo Ceva
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies