13 set 2019

Avicultores colombianos: Atualização sobre a normativa de Salmonella

Avicultores colombianos: Actualización sobre la normativa de Salmonella

Conteúdo disponível em: Español (Espanhol)

A Colômbia realizou uma atualização da normativa relacionada ao controle e erradicação da Salmonella nos planteis avícolas. O país também tratou sobre as Guias Sanitárias de Movimentação Interna para aves.

A atualização foi realizada pelo ICA (Instituto Colombiano Agropecuário) atendendo ao compromisso acordado com os avicultores do país. Para discutir ambas as temáticas foram realizados encontros.

O primeiro foi realizado no Norte de Santander, em Cúcuta, a partir do trabalho conjunto do ICA com a FENAVI (Federação Nacional de Avicultores da Colômbia), para melhoramento contínuo da sanidade e produção avícola da Colômbia, evitando doenças de controle oficial que ponham em risco a avicultura do país.

Nestes espaços de discussão os produtores conhecem as normas (em construção e próximas de serem expedidas pelo ICA) referentes às certificações de granjas livres de pullorose e tifose aviária, de granjas livres de Salmonella enteritidis e Salmonella thipymurium; dos projetos de resolução de expedição de GSMI (Guias Sanitárias de Movimentação Interna) a partir do SIGMA; e o credenciamento de profissionais privados ao SIGMA aviário. Essas duas últimas normativas serão postas sob consulta pública no decorrer do mês de setembro.

“Con essas discussões vamos levar ao conhecimento dos avicultores e usuários relacionados com a cadeia avícola nacional as normas de Salmonella que estiveram sob consulta pública durante um período recente e serão expedidas em breve. Isso, com o objetivo de dar transparência na informação do propósito e objetivos das mesmas”, afirmou o diretor Técnico de Sanidade Animal do ICA, Andrés Osejo Varona.

Para o Instituto Colombiano Agropecuário é necessário contar com a participação e conhecimento do público em geral, especialmente dos produtores avícolas do país, já que os projetos socializados são de alto impacto para o setor avícola nacional.

A autoridade sanitária colombiana continuará oferecendo o apoio necessário para prevenir as doenças às quais as aves são suscetíveis, para alcançar as condições ótimas na produção avícola. Isso permitirá que os produtores colombianos sejam competitivos e possam ingressar nos mercados especializados.

“Esta atividade é indispensável na engrenagem e funcionamento da estratégia de trabalho do ICA, quanto ao projeto e geração das políticas públicas a partir do que se possa aplicar no campo, justamente porque para alcançar a referida aplicabilidade na nossa realidade produtiva é necessária a participação cidadã de especialistas, acadêmicos, usuários, empresas e todos os atores do setor avícola, que colaborem com a expedição de normas sanitárias que perdurem no tempo”, concluiu o diretor Técnico de Sanidade Animal do ICA.




MERCADO +

DataProdutoValor
14/09/2020 Congelado +
(kg)
R$ 5,68
14/09/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 5,73

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
8 - 11/09/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 87,47
R$ 105,79

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies