julho 2018

Alojamento de pintinho de corte cai 11%

No último mês de maio o alojamento de pintinhos de corte, com um dia, registrou o menor volume desde novembro de 2009, dados da Apinco.  Os dados são os mais recentes disponíveis e demonstram que a produção de pintos de corte somou 462,8 milhões de cabeças, queda de apenas 1% em relação ao mês anterior, mas de expressivos 11% frente ao mesmo período do ano passado.

Esse é o reflexo da estratégia da indústria de tentar reduzir a oferta no mercado. No início do ano, a indústria avícola brasileira estava trabalhando para reduzir o alojamento de aves no país em 5%, passando dos então 527 milhões de frangos, para 500 milhões.

Porém, a projeção inicial não contava com a paralisação dos caminhoneiros, nem as tarifas impostas pela China à carne de frango do Brasil. Segundo colaboradores do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia aplicada – Esalq/USP), outro fator que influenciou o baixo volume de animais alojados em 2018 é a queda na competitividade da carne de frango frente às carnes substitutas.

As 462,8 milhões de cabeças alojadas representam o menor volume desde novembro de 2009, quando foram alojados cerca de 461,3 milhões de cabeças.  Com a redução do alojamento, a menor oferta de animais para abate pode resultar em reação nos preços internos do animal vivo e da carne.

Cai poder de compra dos produtores de ovos

O poder de compra do avicultor de postura frente aos principais insumos utilizados na atividade, milho e farelo de soja, diminuiu de junho para julho. Segundo colaboradores do Cepea, a elevada disponibilidade de ovos no mercado doméstico tem levado granjeiros a conceder descontos para efetivar negócios, reduzindo a receita obtida com as vendas.

Mesmo assim, entre 12 e 19 de julho, os preços da proteína esboçaram leve recuperação em todas as regiões acompanhadas pelo Cepea. Em Bastos (SP), a caixa com 30 dúzias do ovo branco tipo extra (a retirar) registrou ligeira valorização de 1,52%, fechando com média de R$ 70,72 nessa quinta-feira, 19. Para o ovo vermelho, a alta foi de 2,8%, para R$ 77,84/cx.

Com informações da Assessoria de Imprensa do Cepea

Diamond V

NEWSLETTERS

Revista Digital, Boletins Semanais, Acesso aos PDFs

Cadastro

Revista aviNews Brasil
Ed. 2019 AviNews Brasil Março