17 jun 2019

Setor avícola deve informar sobre como são produzidos os ovos de galinha

Cobrasul Ovos como são produzidos os ovos de galinha claudio machado


AUTOR(ES)

Priscila Beck

Diamond V

A difusão de informações sobre como são produzidos os ovos de galinha é necessidade premente do setor. A ideia foi defendida na manhã desta segunda-feira (17/6), pelo diretor técnico comercial da Vencomatic, Cláudio Machado, no primeiro dia de debates da 2a Conbrasul Ovos (Conferência Brasil Sul da Indústria e Produção de Ovos), que acontece até o dia 19 de junho em Gramado (RS).

A transformação global da produção de ovos e os desafios para os produtores e indústria” foi o tema da palestra de Cláudio Machado. Segundo ele, essa transformação se dá num cenário em que a perspectiva é de necessidade de quase dobrar o volume de alimentos produzidos até 2050 para atender o aumento da demanda, ao mesmo tempo em que a fome ainda é a condição na qual vivem centenas de milhões de pessoas.

“Esse é um assunto muito pontual, porque o mercado vive um momento de transformação”, salientou Machado. “Saímos de um produto que era um problema e estamos em um produto que daqui uns dias exigirá receita para seu consumo, pela quantidade de benefícios que se descobre a cada dia”, completou.

Para o especialista, as decisões sobre em qual sistema de produção investir (gaiola, cage free, free range ou orgânico) devem estar embasadas em sustentabilidade. “A sustentabilidade do processo é o que vai nos nortear nos próximos dez anos“, salientou, lembrando que no mercado brasileiro o preço é um fator muito importante na tomada de decisão pelo consumidor.

Segundo Cláudio, até 2025, 85% da produção brasileira de ovos deverá ocorrer em gaiolas e 15% em sistemas alternativos. “A expectativa é de que 120 milhões de aves serão produzidas fora de gaiola, o que deverá ser norteado pela lei da oferta e procura“, salientou.

A atenção para as exigências da nova geração de consumidores, que espera informações mais aprofundadas sobre como são produzidos os alimentos que consome, é outro aspecto que deve ser observado pelo setor, segundo Machado.

“Devemos investir em qualidade, sem perder em sanidade, com possibilidade de bom preço”, destacou Machado. “Não podemos perder tudo o que foi conquistado até aqui, porque seguimos sendo líderes no mundo na questão sanitária”, completou.

Exemplos de diferentes sistemas de produção existentes no mundo foram apresentados por Machado, que destacou a necessidade de os pequenos produtores se profissionalizarem, melhorando a qualidade das embalagens e as formas de comercialização do produto in natura.

Ele também apontou a industrialização do ovo como um importante nicho de mercado e destacou a importância de dar segurança ao público sobre o produto que está consumindo, ratificando a importância de o setor difundir o que está sendo produzido e como isso está sendo feito.

A Conbrasul Ovos é organizada pela ASGAV (Associação Gaúcha de Avicultura) e reúne 80% do setor produtivo brasileiro de ovos em Gramado (RS).




MERCADO +

DataProdutoValor
14/09/2020 Congelado +
(kg)
R$ 5,68
14/09/2020 Resfriado +
(kg)
R$ 5,73

* ORIGEM BASTOS (SP)
DataProdutoValor
8 - 11/09/2020 Branco +
Vermelho +
(cx. 30 dúzias)
R$ 87,47
R$ 105,79

* ORIGEM BASTOS (SP)

SESSÕES TÉCNICAS ESPECIAIS +

REVISTA AVINEWS BRASIL +

NOVIDADES

 

REVISTA

Revista aviNews aviNews Brasil Junho 2020

ARTIGOS DA REVISTA



 
 


Consultar outras edições


aviagen
 

Cadastro Newsletter aviNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

aviTips
aviNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies